Envie sua história
jul 04, 2017

Coluna Level Up – Café da manhã na cama

Level UP

Aqui em casa o domingo é o dia internacional do café na cama.

Começou quando eu percebi que acordava bem mais cedo que ele, não conseguia virar para o lado e dormir novamente, e também não queria acordá-lo, afinal domingo é liberado dormir um pouquinho mais.

Foram alguns domingos ficando entediada na cama, até que tive a brilhante ideia… Se eu o acordar com um café na cama vai ser super romântico e resolvo meu problema de acordar antes. Acabo gastando um tempo no preparo, sempre alguma coisinha especial, e aí já está na hora de acordar mesmo e curtir uma manhã a dois.

Tem coisa mais gostosa que acordar com um café na cama?

Um gesto de carinho logo cedo pode garantir a harmonia e o humor para o resto do dia. E ainda da para prolongar a preguiça de sair da cama mais um pouquinho.  Não precisa ter data especial para agradar quem você ama qualquer dia é dia de sair da rotina e encher a casa de amor.

Então como preparar um café da manhã romântico sem erro?

Otimize o tempo, não recomendo inventar coisas muito rebuscadas pois quanto mais tempo você gastar montando a bandeja de café da manhã, mas risco você corre de ser descoberto/a caso esteja preparando uma surpresa.

Coloque apenas o necessário em sua bandeja, não coloque itens demais, irá ser difícil de pegar as coisas sem fazer bagunça e lambuzar a cama inteira!

Escolha as comidinhas que ele/ela mais gosta no café da manhã, imagina você encher de frutas a bandeja porque é bonito e saudável, mas seu amor odeia frutas!! Pode até ser um café simples, mas já vai despertar carinho e sorrisos.

Use louças bonitas. Isso mesmo! pode pegar a melhor que você tem em casa, a composição da bandeja merece louça especial. Decore com o que você tem em casa, mas não exagere as vezes menos é mais.

Escreva um bilhetinho, esconda embaixo da torrada, no meio do guardanapo, atrás da caneca, de qualquer modo vai surpreender.  Vale desenhar coraçãozinho e tudo mais!

Que você se inspire e surpreenda seu esposinho, mesmo se for casar daqui a 5 anos, já pode ir guardando as ideias para viverem momentos maravilhosos e aproveitar cada manhã pois a vida á dois por si só já é um presente.

E quem nunca ficou imaginando que surpresa fazer, o que cozinhar, como montar a mesa, as flores as cores que atire a primeira pedra. Pode sonhar, pois o amor é como uma plantinha que precisa ser cuidada regada podada com muito amor carinho e atenção!

maio 22, 2017

Level up – Meu marido só pensa em jogar

Level UP

Se seu parceiro é daqueles que ama jogar?

Você detesta e acha que é perca de tempo? Saiba que não está sozinha nesse mundo, grande parte das mulheres já reclamaram algum dia por um hobby exagerado do seu companheiro.

Na última semana presenciei uma moça desesperada, pois seu esposo era viciado em youtube a ponto de ir sozinha para a praia curtir o mar, almoçar, e quando voltou para casa encontrou a mesma “coisa” que havia deixado.

O fato é, quando se trata de games, futebol ou até aquela saidinha com os amigos para uma descontração,  é normal.

O problema é quando ele deixa de dar a devida atenção aos seus deveres em casa e coloca a descontração em primeiro lugar.

Creio que isso seja o que mais irrita as mulheres, porque nesse momento eles ficam cegos, não conseguem enxergar que tem uma pilha de roupa para dobrar ao lado deles, que a pia da cozinha está suja ou que sua mulher está se descabelando para arrumar tudo sozinha.

O Rodrigo sempre gostou muito de jogar, quando ainda namorávamos me irritava saber que ele ficou a manhã inteira jogando e não fez “nada”.

Não vou dizer que foi fácil aceitar, mas aos poucos fui me adaptando que aquilo era uma válvula de escape para ele, um modo de passar um tempo prazeroso, como pra mim era ler um livro ou ver um filme.

Entretanto uma coisa que nunca faltou foi diálogo, mesmo quando não éramos casados.

Eu sabia que um dia iríamos dividir uma casa juntos, por isso me preocupava em qual seria a minha reação se ele esquecesse do mundo e ficasse jogando por um longo período de tempo, até me preocupava com a futura educação de um filho tendo um pai gamer.

O fato de conversarmos, ele entender minha situação e eu compreender a dele, foi o que mais ajudou.

Os homens precisam do tempo de inatividade, depois de um dia de trabalho muitos necessitam de um tempo para se descontrair de uma forma não –social, o problema é que as mulheres são exatamente o oposto, quando chegam em casa querem conversar, passar tempo junto com o esposinho, fazer tudo que for possível junto.

De fato já tentei jogar com ele, mas não foi uma coisa UAU, ainda não desisti, sei que ele adoraria uma companheira de jogo. Mas por enquanto fico nos livros e na minha arte, respeite o tempo zen dele.

Então se alguns hábitos exagerados vierem a te incomodar, seja sincera sobre como ele faz você se sentir, mas não o ataque.

Não vá sumir com os jogos dele porque aí o pau vai comer. Converse muito, que vocês vão conseguir chegar a um acordo, a comunicação clara e sincera é o segredo para um casamento onde brigas se tornam discussões construtivas.

abr 24, 2017

Level UP – A vida de casada – Quem somos?

Level UP

Dizem que histórias como a nossa só em contos de fadas, do tipo em que a mocinha conhece o mocinho, eles nunca estiveram em outros relacionamentos, dão o primeiro beijo, tem um vilão no meio da história, mas eles se casam e vivem felizes para sempre.

Não vamos mentir, contudo é mais ou menos assim mesmo, mas vamos lá contar um pouquinho da nossa história.

Começamos a namorar quando cursamos o ensino médio – ela com 16 e ele com 15.

Ambos nunca tinham beijado ninguém… juntos demos o primeiro beijo depois de quase um mês que já estávamos namorando.

Só pra constar somos um pouco tímidos, mas entre os dois isso se perdeu completamente, se você nos encontrar hoje em um restaurante, tem duas opções: 1 você vai achar que são dois retardados muito felizes que parecem estar vivendo em outro mundo e alienados com o que está acontecendo em volta.

Na segunda opção vai achar que é um casal que se conheceu a pouco tempo e estão super se amando e isso acontece mesmo depois de 8 anos de relacionamento.

Hoje somos casados, adotamos uma cachorrinha com 7 meses que é o xodó da casa, se chama Mel Meleleu da Cuca Gorskerz.

Temos um canal no youtube onde apresentamos nosso aprendizado como um casal durante cada semana que passamos. A Reci é a cabeça pensante da casa e está terminando seu mestrado na Unicamp o Gorski o criativo e mantenedor do lar.

Somos muito caseiros, então amamos passar tempo juntos em casa sem fazer nada, quem sabe ver um seriado comer uma pipoca ou inventar alguma coisa nova.

Como dizem somos adeptos a teoria do deboísmo, pois a vida é bela. 

Aqui vamos conversar sobre coisas que acontecem no dia-a-dia de um casal depois de sair do altar, compartilhar nossas experiências e aprendermos juntos com a suas.

Vamos amar receber perguntas e tentarmos debater o porquê das coisas acontecerem. Não acreditamos que o casamento é um Game Over e sim o início de uma nova fase, o Level UP 

Recieli e Rodrigo Gorski